O site da Supergasbras e o jornal Diário do Comércio registram o lançamento do Triciclo Titânio ocorrido em fevereiro de 2015, na cidade de Itabira/MG. A matéria destaca as vantagens do Triciclo Titânio, como marcha a ré, freio a disco como opcional e eixo cardan em substituição às correntes e a inovadora carroceria de plástico, feita da combinação de polietileno e polipropileno de alta resistência, torna o veículo mais durável e econômico. Confira a matéria completa abaixo.

A Supergasbras, empresa do Grupo SHV Energy – uma das líderes mundiais em distribuição de Gás LP -, está lançando no mercado uma nova versão para os triciclos de entrega de botijões de gás, um dos veículos mais utilizados para a distribuição do produto. O novo modelo, batizado de Titânio, foi desenvolvido em parceria com a paulista Fusco Motosegura, especializada na produção de triciclos. As primeiras 15 unidades foram entregues na unidade de Itabira, na região Central.

De acordo com o gerente de rede de revendas da Supergasbras, Carlos Nova, o projeto é uma evolução da parceria que já dura cinco anos com a Fusco Motosegura. “Temos uma relação de parceria muito grande com a rede de revendedores, em um modelo semelhante ao de franquia. Estamos sempre pensando e propondo formas de aumentar a rentabilidade deles. O triciclo surge dentro dessa estratégia. Ele foi desenvolvido em parceria com a Fusco Motosegura para atender todas os requisitos para melhorar a performance”, explica Nova.

Itabira foi escolhida como “campo de prova” para o triciclo por ser uma praça importante no volume de vendas e por apresentar condições topográficas difíceis. “Testados exaustivamente em laboratório, os triciclos agora estão enfrentando uma condição real, em ambiente não controlado. Eles estão em pleno uso. Os primeiros resultados foram excelentes”, destaca o gerente.

As modificações permitiram a redução no preço e melhores condições de trabalho. As principais novidades são: carroceria em plástico, mais leve e resistente, em substituição à de metal; eixo cardan, mais resistente e durável; caixa reversora, que permite marcha a ré; e freio a disco em todas as rodas, garantindo mais segurança.

O custo do triciclo foi calculado em relação a uma pick up pequena, opção mais utilizada pelos revendedores. De acordo com o executivo o custo do triciclo é equivalente a 38% do valor do veículo; economiza entre 50% e 60% do combustível gasto; tem os custos variáveis, incluindo manutenção, 70% mais barato; e os custos fixos (exceto salário) 22% menores.

O triciclo é um produto vendido aos revendedores, por isso a Supergasbras não tem um cronograma de implantação da frota. A expectativa é que rapidamente seja adotado por boa parte dos distribuidores. “Não temos um planejamento para vender aqui ou ali. O que temos é uma expectativa de venda e garantimos a capacidade de entrega do nosso fornecedor. Estamos, juntos com ele, em um esforço de promoção do produto. Para isso usamos ferramentas como o portal fechado da rede, o trabalho dos nossos consultores e as convenções; além das ações da própria Motosegura”, afirma.

( fonte ) – http://www.diariodocomercio.com.br/noticia.php?tit=supergasbras_lanca_no_mercado_nova_versao_para_triciclo&id=149650